Definitivamente Sebem venceu



Ver o astro do Kuduro, Sebem, aparentemente saudabilíssimo, com tímidos enchimentos nas  nas bochechas e barriga, vezes sem conta com indisfarçável sorriso de quem festeja vitória, num registo musical sem nenhuma transformação porque não tem necessidade de superar a ninguém, igual a si próprio, no novo rebento “Vamos lá na casa dele”, que já tem videoclipe, o autor da Felicidade simplesmente lembrou à opinião pública que as “paranóias” não mudaram, apesar da quase eterna viagem, de amarga experiência por que passou. Aliás, um artista que se preze mantém intacta sua “paranóia”, se considerarmos como sua identidade. Cada artista com a sua loucura.




Fisioterapia ao domicílio com a doctora Odeth Muenho, liga agora e faça o seu agendamento, 923593879 ou 923328762


Confesso que ao assistir o vídeo irromperam-se as defesas dos meus sentidos, provocando borbulhas de emoções, que começaram a me andar no corpo. Senti-me, por instantes, invadido por um feixe de comoção ao testemunhar uma história de superação sem recurso a folheagens daqueles livros encomendados (com grandes Estórias) por isso propositadamente intitulados Autoajuda.


 A força de vontade de Man Sibas voltar aos palcos certamente não passará despercebida por muitos entusiastas e cientistas, que se interessarão pela forma como aquele artista pensa arte, como o líder pensa a classe e, claro, como o doente se projecta para a cura. Portanto, como a mente trabalha para o progresso. O que a nossa geração chama, com vaidade, de ‘Mindset’.


Pihia Rodrigues






Lil Pasta News, nós não informamos, nós somos a informação 

Postar um comentário

0 Comentários