Miúdo de Carlos Feijó compra Jornal Económico de Portugal



A Media9Par, subsidiária do Emerald Group para área da comunicação social do empresário angolano N'Gunu Tiny, comprou o Jornal Económico, da Megafin, noticiou esta sexta-feira o próprio semanário. A notícia das negociações para a operação foi avançada pelo Negócios a 4 de julho.


"A entrada no universo do grupo Media9Par representa um momento de viragem para o Jornal Económico. A partir de agora, aproveitando as sinergias com os outros meios do grupo Media9Par, o Jornal Económico vai posicionar-se como uma marca de informação dirigida a todo o espaço lusófono, com uma oferta de conteúdos cada vez mais multiplataforma, isto é, no papel, no online, no vídeo e nos 'podcasts'", escreveu o diretor da publicação, Filipe Alves, no editorial da edição de hoje do Jornal Económico.


Em junho, o diretor e também acionista da Megafin, dava conta que o Emerald Group, fundado em 2009, detentor dos direitos de publicação das revistas Forbes Portugal e Forbes África Lusófona, tinha-se estreado na área dos 'media' em 2018, com o investimento numa participação minoritária (40%) no Polígrafo".


"Sediado no Dubai International Financial Center (...) é uma 'holding' de investimentos detida exclusivamente por N'Gunu Tiny, com foco no setor financeiro, energia, investimento de impacto e inovação social", acrescentou.



Fisioterapia ao domicílio com a doctora Odeth Muenho, liga agora e faça o seu agendamento, 923593879 ou 923328762


N’Gunu Olívio Noronha Tiny nasceu em 1977 e é licenciado em Direito pela Universidade Nova de Lisboa e investigador na London School of Economics (LSE). Começou a sua carreira na sociedade de advogados de Carlos Feijó, em Luanda, seguindo depois para Londres, onde foi cofundador e chairman da firma de serviços financeiros Eaglestone, até 2013. Além disso, ocupou os cargos de CEO do Banco Postal e administrador da De Beers Angola.


O Emerald Group, que criou em 2009, tem sede no Dubai International Financial Center é uma holding de investimentos detida na totalidade pelo empresário, focada nos setores financeiro e da energia e ainda no investimento de impacto e inovação social.neg




Lil Pasta News, nós não informamos, nós somos a informação 

Postar um comentário

0 Comentários