Adalberto Costa Júnior defende no congresso do PPE transparência eleitoral e observação internacional



Foto: Adalberto Costa Júnior(Presidente da UNITA) com Roberta Metsola(Presidente do Parlamento Europeu) e Manfred Weber(Presidente do Partido Popular Europeu).


Presidente da UNITA foi convidado especial do Partido Popular Europeu(PPE), família política de centro-direita, no congresso em Roterdão, Países Baixos.


Adalberto Costa Júnior cumpre uma breve deslocação à Holanda a convite do Partido Popular Europeu, que elegeu o alemão Manfred Weber como seu novo presidente.

O Presidente da UNITA durante os trabalhos do Congresso, esteve reunido com Roberta Metsola, a Presidente do Parlamento Europeu.





Fisioterapia ao domicílio com a doctora Odeth Muenho, liga agora e faça o seu agendamento, 923593879 ou 923328762


O líder da UNITA tem insistido na necessidade da observação internacional às eleições gerais de Agosto próximo, estando a desenvolver uma diplomacia bastante actuante no sentido do alcance da transparência eleitoral, ameaçada pela extrema censura e total falta de pluralidade existente em todos os órgãos públicos de comunicação social. Adalberto Costa Júnior considera fundamental a exigência da publicação imediata dos resultados provisórios do registo eleitoral oficioso. A demora e não publicação das listas do registo, constitui uma gravíssima violação da lei por parte do Ministério da Administração do Território, cujo Ministro liderou conjuntamente com Adão de Almeida, a revisão recente da Lei do Registo Oficioso. 

A transparência do processo eleitoral ficou claramente em risco com o anúncio da contratação da INDRA, empresa espanhola de gestão tecnológica de eleições, contestada em todo o mundo por viciar resultados e actos ilícitos em benefício da entidade contratante. 

A Comunidade Internacional mostra-se cada dia mais preocupada com as denúncias vindas de Angola, numa altura em que inúmeras organizações da Sociedade Civil se juntaram aos Partidos Políticos na exigência do governo angolano e do Presidente João Lourenço abraçarem um processo eleitoral democrático e credível.




Lil Pasta News, nós não informamos, nós somos a informação 

Postar um comentário

0 Comentários