CLINTON MATA MOSTROU-SE ARREPENDIDO POR TER OPTADO REPRESENTAR OS PALANCAS NEGRAS EM DETRIMENTO DA SELECÇÃO BELGA


O internacional angolano, Clinton Mata voltou a declinar a convocatória dos Palancas Negras no passado mês de março. Aos 29 anos, atualmente nos belgas do Club Brugge, Clinton soma oito internacionalizações pelos Palancas Negras sendo a última em junho de 2016 na derrota (3×1) diante da República Centro Africana.

 

Além dos 664 minutos somados nas oitos internacionalizações, o defesa soma também quatro partidas em que foi suplente não utizado. 




Fisioterapia ao domicílio com a doctora Odeth Muenho, liga agora e faça o seu agendamento, 923593879 ou 923328762


Após a última partida disputada em 2016, parece que Clinton Mata não mais quer saber da selecção angolana, pois, nunca mais voltou a atender as convocatórias. A atitude do atleta tem deixado dúvidas aos adeptos e não só, sobre quais são as verdadeiras razões que o levam a tomar tal atitude.


A Revista de Imprensa recua até o passado mês de abril de 2021, nesta data Clinton Mata cedeu uma entrevista ao jornal Sporza, onde avançou estar arrependido por ter atendido em 2014 o chamado do na altura técnico da selecção nacional, Romeu Filimon.


««Eu estaria a mentir se dissesse que não me arrependo dessa escolha. Mas quem conheceu Clinton Mata há 7 anos atrás? Ninguém poderia então ter previsto que eu chegaria a este nível», avançou o defesa.


Filho de pai angolano, Clinton da Mata nasceu  em Verviers, província de Liège, Bélgica  e pelas boas exibições e níveis que alcançou acredita, portanto, que poderia disputar por um lugar na seleção da Bélgica caso não tivesse escolhido representar Os Palancas Negras.




Lil Pasta News, nós não informamos, nós somos a informação 

Postar um comentário

0 Comentários