“Estes camaradas já não ouvem mais”- Graça Campos


Definitivamente, o MPLA já não é o que era. O MPLA dos dias de hoje nem já ao seu presidente ouve e menos ainda respeita.

Na entrevista colectiva do dia 6 de Janeiro, o Presidente João Lourenço disse alto e bom som que se opõe terminantemente à bajulação e ao culto à sua pessoa.




Fisioterapia ao domicílio com a doctora Odeth Muenho, liga agora e faça o seu agendamento, 923593879 ou 923328762


Mas Rui Falcão, secretário para a Informação do Bureau Político do MPLA, discorda e identifica e exalta no Presidente João Lourenço qualidades que o próprio se calhar desconhece. 

E o pior é que – como admite o próprio adulado – “não sei quê medidas a gente vai tomar” para travar o (mau) hábito de se atribuir ao Presidente de turno qualidades sobre-humanas. 

É espantosa a “escola” do MPLA. A José Eduardo dos Santos atribuía qualidades ímpares, inigualáveis.

Agora em João Lourenço enxerga virtudes infinitamente superiores às que eram reconhecidas no “Arquitecto”, o fundador da clarividência e da sabedoria.

Com o MPLA no poder, ao próximo presidente será atribuída a criação do mundo e do homem...

Como dizia um antigo “sketch” da Rádio Ecclésia, “estes camaradas já não ouvem mais...”




Lil Pasta News, nós não informamos, nós somos informamos 

Postar um comentário

0 Comentários