“Estou nem aí com o que as pessoas falam da minha vida nas redes sociais”- diz Rafael Marques



O jornalista e ativista social Rafael Marques, foi o convidado da última edição do programa Goza Aqui, do humorista e jurista Tiago Costa.



Com uma plateia repleta de jovens da sociedade civil, Rafael Marques respondeu varias questões que tem sido temas diários nas redes sociais sobre a sua vida.




Fisioterapia ao domicílio com a doctora Odeth Muenho, liga agora e faça o seu agendamento, 923593879 ou 923328762

Não é o povo que vai escolher quem pode  ser meu amigo ou quem  deve participar nos meus eventos, respondeu Rafael Marques a um ativista que questionou a sua ligação com o empresário Alvaro Madaleno Sobrinho.



As pessoas perdem muito tempo para falar coisas que não ajudam o país a crescer, o Rafael Marques do tempo de JES é o mesmo do tempo de JLo, quando escrevo muito me acusam que sou da CIA, agora que estou escrevendo pouco me acusam que fui comprando pelo regime de Luanda, durmo tranquilo e estou nem aí com o que as pessoas falam e escrevem de mim nas redes sociais, desabafou o jornalista.



Rafael Marques ainda aproveitou a ocasião para falar da investigação dos factos que ocorreram em Cafunfo, e do trabalho que tem desenvolvido no município de Alto Zambeze, que alguns dias atrás  aconteceu um conflito tribal entre os povos daquela região do país. 




Lil Pasta News, nós não informamos, nós somos a informação 

Postar um comentário

1 Comentários

  1. Estou nem ai no que as pessas dizem , resposta de quem sente no rabo o fogo ardente, porque hoje percebe que é um mercenario que fez, faz parte da distruicao deste pais , invejoso e ganancioso, agora hoje onde andas senhor salvador da patria, o pais , continua com muitos problemas, os jovens que contavam com teu activismo lacaio estao a contar contigo, e será que os recem desempregados da zaap ainda nao lhe contactaram , tens que te preparar , quanto a este ponto, ainda a muito que se diga, presumo que este ano terais muito trbalho, nao vem contruques de dizer .

    Que nao estou nem ai no que as pessoas falam e pensam de mim, Sr. Mercenario Mor.
    Saudacoes revolucionarias.

    ResponderExcluir