Padre faz sexo com duas prostitutas no altar



Crente foi rezar, encontrou e filmou padre em momento íntimo.


Depois de um padre católico ter sido detido após ter, alegadamente, feito gravações de si próprio a fazer sexo com duas atrizes porno no altar de uma igreja, no estado norte-americano do Lousiana, no passado dia 30 de setembro, o arcebispo local já veio assegurar que o altar em causa "foi queimado" após sua ordem.


O padre Travis Clark, de 37 anos, foi 'apanhado' por uma testemunha que estranhou as luzes da igreja ligadas durante a noite. Encontrou o pároco com duas mulheres, Mindy Dixon e Melissa Cheng, ambas atrizes pornográficas, vestidas com espartilhos e botas de salto alto.




Fisioterapia ao domicílio é na MZ Fisio. Contactos para marcação: 924170321, 998024880

Sobre o Travis, o seu comportamento obsceno é deplorável. Ele dessacrou o altar da nossa igreja e isso é demoníaco, estou em fúria com as açoões dele. Assim que conhecemos od detalhes removemos imediatamente o altar, que foi prontamente queimado. O novo altar vai ser instalado já amanhã", garantiu  Gregory Aymond, arcebisbo de Nova Orleães.


Segundo os relatórios das autoridades, na ingreja havia brinquedos sexuais espalhados e iluminação de palco, tudo pronto para gravar as cenas de sexo. No local estava ainda um tripé com um telemóvel para gravar o vídeo.


A testemunha filmou o que se passava e ligou para a polícia, que se dirigiu à igreja e prendeu o trio sob acusações de atentado ao pudor. Acabaram por ser libertados sob o pagamento de fianças. O padre foi imediatamente suspenso de funções.



Lil Pasta News, nós não informamos, nós somos a informação 

Postar um comentário

0 Comentários