É oficial: Adalberto Costa Júnior já não é presidente da UNITA



O Tribunal Constitucional (TC) de Angola anulou o XIII Congresso da União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA), que decorreu em Novembro de 2019 e que consagrou como líder o actual presidente do “Galo Negro”, Adalberto da Costa Júnior.


Em causa estava uma queixa de militantes da UNITA contra a forma como Adalberto da Costa Júnior foi eleito, ao não renunciar à sua nacionalidade portuguesa.




Fisioterapia ao domicílio é na MZ Fisio. Contactos para marcação: 924170321, 998024880

O engenheiro electrotécnico, que promete combater a corrupção no país, tornou-se no terceiro presidente da UNITA a 15 de Novembro de 2019, conquistando mais de 50% dos votos num universo de 960 eleitores. Júnior, de 57 anos, sucedeu a Isaías Samakuva, que esteve 16 anos no cargo após a morte de Jonas Savimbi, em 2002.



Apesar das referências a queixas de militantes da UNITA, a decisão do TC angolano é vista na oposição como um processo político.








Lil Pasta News, nós não informamos, nós somos a informação 

Postar um comentário

0 Comentários