Canadá nega visto a uma delegação da embaixada angolana no EUA


Uma delegação constituída por funcionários da embaixada angolana nos EUA agendou em Agosto Agosto, uma deslocação à Toronto para tratar assuntos de ordem consular junto da comunidade angolana que desde 2018 deixou de ter missão diplomática para atender as suas preocupações no dia 23 de Outubro.


Há 24 horas da viagem, a delegação comunicou cancelamento da deslocação por alegada falta de visto de entrada que os habilitaria entrar em território canadiano. “O Sector Consular da Embaixada de Angola nos EUA, aproveita o ensejo para informar que por motivos relacionados com a emissão do visto de entrada no Canadá”, lê-se numa nota da delegação comunicando sobre o cancelamento da viagem.



Fisioterapia ao domicílio é na MZ Fisio. Contactos para marcação: 924170321, 998024880

Em reacção ao sucedido a Comissão de Gestão da Comunidade angolana em Ontário (ACO), como anfitrião divulgou um comunicado de última hora na qual estampou na íntegra a nota explicativa da Embaixada que apenas limitou-se a « remarcar a deslocação para o horizonte temporal de 29/10 a 01/11 ».



O acto consular que deveria se realizar no dia 23 do corrente mês fora anunciado a cerca de dois meses e vários angolanos residentes nos arredores da província do Ontário deslocaram-se para Toronto para esta finalidade provocando transtornos logísticos aos mesmos.



De realçar que a Embaixada de Angola nos EUA passou a prestar assistência consular aos angolanos no Canadá e México desde 2018, altura em que o governo angolano decidiu encerrar a missão diplomática em Toronto, no âmbito da política de redimensionamento do ministério das relações exteriores.

Club-K 



Lil Pasta News, nós não informamos, nós somos a informação 

Postar um comentário

0 Comentários