É MENTIRA - NENHUM JORNALISTA DA TV ZIMBO FOI ESPANCADO NA MANIFESTAÇÃO



Não pude estar na manifestação de hoje, 11 de Setembro, por razões óbvias, mas acompanhei de longe a manifestação (via redes sociais), e chegou-me a informação de que jornalistas da TV Zimbo foram surrados na manifestação.


O panfleto (com logomarca da TV Zimbo) traz a informação segundo a qual uma equipa de jornalistas da TV Zimbo foi espancada, isto é, surrada, por militantes da UNITA na manifestação de hoje.




Fisioterapia ao domicílio é na MZ Fisio. Contactos para marcação: 924170321, 998024880

A foto do panfleto retrata um jornalista bissau-guineense chamado Adão Ramalho, que foi agredido em Março de 2021. Quem quiser, poderá confirmar a história aqui: https://cpj.org/pt/2021/03/jornalista-adao-ramalho-e-agredido-e-escapa-de-tentativa-de-rapto-na-guine-bissau/.


O desespero para tentar manchar a manifestação é tanto, que os autores da informação falsa nem se deram conta de que é impossível que pessoas que se manifestam em Luanda (Angola) consigam viajar no tempo (em Março de 2021), surrar um jornalista em Bissau (Guiné) ao mesmo tempo que estão em  Angola...


Nem jornalista nem grupo de jornalistas. É mentira.

Nuno Álvaro Dala 



Lil Pasta News, nós não informamos, nós somos a informação 

Postar um comentário

0 Comentários